Bandas

 
  Jack Johnson

Jack Johnson nasceu para ser surfista, seu playground foi a ilustre Sunset Beach, na famosa Costa Norte de Oahu, no Havaí . Aos 4 anos o cara já pegava onda. Aos 12 anos Jack era o amigo de fé de Kelly Slater, “o Michael Jordan do surfe”, diz Johnson. E, aos 17 anos, ele já tinha um patrocinador e uma carreira como astro do circuito de surfe. Nem mesmo um sério acidente que fraturou seu nariz , destruiu seus dentes e deixou-o com 150 pontos em partes variadas do corpo conseguiu arrefecer seu entusiasmo pelo esporte.
Jack não queria ser surfista profissional, e imaginou que uma carreira como diretor e produtor de filmes de surfe fosse a melhor saída. Foi ao estudar cinema na Universidade da Califórnia em Santa Barbara, outro “antro” de surfistas, que Jack vislumbrou uma nova possibilidade: a música. “Eu sempre era o cara que levava o violão e puxava as músicas em volta da fogueira, na praia”, diz Jack. “ Isso desde garoto, em Sunset. “Músicas de Bob Marley, “Brown Eyed Girl”, de Van Morrison, músicas boas de cantar junto.”
Na universidade, Jack começou a compor canções inspiradas pelos seus favoritos _ com resultados surpreendentes: elas rapidamente se tornavam sucessos no circuito esportivo-universitário, e além, levadas para outros países por seus amigos surfistas. Mas ainda assim Jack não se convencia de seus dotes musicais e perseverava numa carreira como documentarista de surfe.
Apenas quando a trilha de um de seus filmes, The September Sessions, tornou-se um
verdadeiro mega-sucesso pirata no circuito surfe que Jack percebeu que sua música havia criado sua própria onda. Em 2001, com a ajuda, o incentivo e a colaboração de seu ídolo Ben Harper, Jack transformou o material de Sessions em seu álbum de estréia, Brushfire Fairytales. O sucesso foi retumbante, impulsionado por uma turnê americana abrindo para Ben Harper.
O segundo trabalho de Jack Johnson , On and On, lançado em 2003, é uma continuação natural do espírito e do estilo de Brushfire Fairytales: moderna música folk temperada de blues, reggae e hip hop, música acústica e orgânica, boa de cantar em volta da fogueira, ou no carro, no chuveiro, na praia. E este ano ele lançou seu mais novo álbum, In Between Dreams, que vem recheado de novos sucessos, e que já esta estourado no topo de todas as paradas no mundo.


 


RÁDIO UNIFEV FM
FREV - Fundação Rádio Educacional de Votuporanga

08/05/2006 - 17h06min