Bandas

 
  Duran Duran

John Taylor e Nick Rodes cresceram em Birmingham, ao norte da Inglaterra, e desde os 11 anos pensavam em formar uma banda. Seus ídolos eram Roxy Music e David Bowie. Aos 16 anos Nick deixou a escola e comprou um sintetizador. Em 1980 os dois foram para Londres e começaram a tocar com alguns músicos definindo um estilo que marcaria o Duran Duran. John assumiu o baixo e contrataram Roger Taylor como baterista. Foi através de um anúncio em um semanário musical que Andy Taylor entrou na banda.
Simon Le Bon conheceu a banda, pois sua namorada trabalhava numa casa de shows que apresentou o Duran Duran pela primeira vez. Simon passou a ser o vocalista e a escrever a maioria das letras. Os donos dessa casa noturna, Paul e Michael venderam a casa para se tornarem empresários da banda, pois acreditavam em seu potencial. A banda atraiu a atenção da mídia de uma tal maneira que chamou a atenção da gravadora EMI e em 1981 saiu o primeiro LP, Duran Duran.  
Em 1982, Após a gravação do segundo LP, Rio, o Duran Duran saiu em sua primeira turnê mundial. O sucesso foi inacreditável, e logo vieram Seven and the Ragged Tiger de 1983 e no ano seguinte, Arena, um álbum ao vivo que contém apenas uma faixa de estúdio: "The Wild Boys".  
Como sempre acontece, o sucesso traz não só alegria, mas também diferenças. Em 85 a banda quase acabou. Andy e John começaram a trabalhar num projeto paralelo, o Power Station, que contava com Robert Palmer e Tony Thompson. Simon, Nick e Roger também lançaram uma banda, o Arcadia. 
Foi um ano complicado para o Duran Duran, mas a banda se reuniu para o Live Aid e também para a gravação de "A View To A Kill" para o tema de James Bond no filme. Depois disso Simon sofreu um acidente numa competição de iatismo, Roger teve uma crise nervosa e afastou-se da banda e Andy mudou-se para Los Angeles investindo em sua carreira solo.  
Em 1986, apesar dos indícios de um final triste, o Duran Duran lançou o quinto LP, Notorious, agora como trio, sem Roger e Andy. O LP teve ótima repercussão.
Big Thing, o LP seguinte veio comprovar que o Duran Duran era uma das melhores bandas pop dos anos 80. 
Em 1989 sai Decade, uma coletânea com os maiores sucessos da banda nos anos 80. Os próximos álbuns, Liberty, 1990, The Wedding Álbum, 1993, e Thank You, 1995, são muito bons também, porém a banda parece ficar um pouco apagada, talvez pela explosão de bandas que, de certa forma, faziam um estilo pop semelhante e com certeza influenciado pelos próprios caras do Duran Duran.
Em 1997 saiu Medazzaland, com seus clips passando na MTV desde seu lançamento, "Eletric Barbarela" é um clássico que traz de volta o Duran Duran dos anos 80. A banda considera Medazzaland uma espécie de continuação do nono LP, The Wedding Album.
Em 1998, é lançado mais uma coletânea, simplesmente intitulada “Gratest Hits” e que faz um apanhado geral da carreira do Duran Duran, trazendo de volta clássicos como “Ordinary World”, “Rio” e “The Wild Boys”, além de alguns remixes. 
O álbum inédito,porém, veio só em 2000, com "Pop Trash". Lançado no Brasil pela Sun Records, o álbum mostra uma clara evolução na banda e traz composições de alto nível, mesclando música alternativa, baladas e sons eletrônicos. 

 


RÁDIO UNIFEV FM
FREV - Fundação Rádio Educacional de Votuporanga

08/05/2006 - 17h31min